O sono dos bebês é diferente do sono dos adultos. Mesmo assim a boa gestão do sono está atrelado em todas as idades a uma boa qualidade de vida e consequentemente a minimizar problemas. O sono é essencial à vida, e quando temos problema com ele aumentamos o risco de doenças como diabetes, hipertensão, e obesidade. Sendo assim, é sempre bom instituir desde cedo bons hábitos de sono para toda a família, tornando mais fácil mantê-los.

Os bebês possuem padrões de sono diferentes porque ainda não desenvolveram completamente o seu ritmo. Pode levar alguns meses para que os bebês se tornem totalmente adaptados. Além disto, o sono do seu bebê é simplesmente diferente mesmo! Em comparação ao de um adulto, os bebês passam muito menos tempo em sono profundo, tendo ciclos de sono mais curtos, e sendo mais facilmente despertado.

Os recém-nascidos não sabem a diferença entre o dia e a noite. Precisam dormir e comer o tempo todo. Em geral, o recém-nascido dorme cerca de 16 a 19 horas no dia, por períodos de duas a quatro horas seguidas e acorda com fome. Com o tempo o bebê aprende a diferença entre dia e a noite e começa a dormir mais durante à noite.

Curiosidade: Quando o bebê ainda está no útero, o movimento de andar da mãe o embala para dormir. Sendo assim, o recém-nascido ainda adora ser balançado e embalado. Muitos bebês também gostam de música.

Para cuidar deste soninho delicado e precioso aqui vão algumas dicas!

 

  • Nas primeiras semanas de vida, o bebê vai dormir e acordar sem horário definido. Nesses primeiros dias, você pode escolher os horários de sono que desejar.

  • A maneira de pôr o bebê para dormir é importante. O risco da síndrome de morte súbita infantil (SMSI) podem ser minimizados significativamente, cuidando-se que o bebê durma na posição correta e condições certas.

  • Sempre coloque o seu bebe para dormir de costas. Essa é a posição mais segura para dormir, a menos que seu pediatra recomende outra. Evite a posição de bruços.

  • Quando acordado, porém, o bebê deve ser deixado de bruços por uns tempos, para desenvolver músculos do pescoço, ombros e braços.

  • Prenda os lençóis e evite cobertas e cobertores. Vista o bebê com roupas de dormir que o mantenham aquecido, dispensando a necessidade de cobertas.

  • Verifique se o berço segue as normas de segurança preconizadas.

  • Nao deixe o bebê dormir em locais fofos, como sofás, poltronas, colchões de água ou almofadas.

  • Não superaqueça o quarto, e não deixe o bebê sentir muito calor. A temperatura do quarto deve ser a que é confortável um adulto com roupas leves. Uma temperatura ambiente de 23ºC é a ideal.

  • Não ponha objetos fofos no berço. Isso inclui colchas, travesseiros, edredons, sacos de dormir, mantas, bichos de pelúcia e certos brinquedos.

  • Garanta a limpeza do colchão do bebê. Mantenha o colchão firme, seco e bem arejado.

  • Evite que o bebê durma na sua cama. Ensine-o a dormir no seu berço!

  • Cuidado para não dormir enquanto amamenta o bebê. Nem quando ele estiver no seu colo, num sofá ou poltrona. Pode ser interessante colocar travesseiros a sua volta.

  • Deixe o bebê dormir no quarto dele! Use e abuse das babás eletrônicas!

Respire fundo e pense que tudo vai melhorar com o tempo e que esse sono leve do bebê é super importante para o seu desenvolvimento!

LPC Resultado de Exames

RESULTADO
DE EXAMES